Ligue-se a nós

Economia

Suzano confirma início de preparação da infraestrutura para instalação da 3ª fábrica em MS

Publicado

no

Suzano confirma início de preparação da infraestrutura para instalação da 3ª fábrica em MS 18

Companhia já tem duas fábricas em operação em Três Lagoas e se prepara para lançar a terceira unidade no Estado

Falta pouco para uma das maiores fabricantes de celulose do Mundo, a Suzano, fazer o anúncio oficial da instalação da sua terceira unidade fabril em Mato Grosso do Sul. A companhia, que já tem duas fábricas instaladas em Três Lagoas, finaliza os estudos de viabilidade técnico-econômica e detalhamento da nova unidade que será instalada em Ribas do Rio Pardo, município localizado na região Centro- Oeste de Mato Grosso do Sul, a 102 quilômetros da capital, Campo Grande.

“A Suzano informa que o Projeto Jubarte, construção de uma nova fábrica de celulose no município de Ribas do Rio Pardo, segue na fase de estudos de viabilidade técnico-econômica e detalhamento do empreendimento, bem como no início da preparação de parte da infraestrutura necessária para a execução do empreendimento quando da aprovação pelo Conselho de Administração da Empresa. Esclarecemos, ainda, que a Suzano mantém constante avaliação de oportunidades de crescimento e geração de valor, de acordo com o cenário de mercado”, diz companhia em nota enviada ao JPNews.

No mês passado, a companhia abriu na Receita Federal o CNPJ de sua filial em Ribas do Rio Pardo com capital de R$ 9 bilhões para atuação em atividades florestais, como cultivo e extração de madeira- forte indicativo de que, muito em breve, a empresa anuncie oficialmente o empreendimento na cidade sul-mato-grossense. Conforme a própria companhia diz em nota, a empresa já trabalha no início da preparação da parte de infraestrutura necessária para a execução da fábrica.

A expectativa é de que nos próximos dias o Conselho de Administração da Suzano aprove o projeto de construção da fábrica em Ribas. Em decorrência do aumento da demanda por celulose, em especial para a China, bem como outros países, a Suzano aumentou o preço da tonelada do produto, o que permitirá a empresa executar o projeto em Ribas do Rio Pardo, orçado em  cerca de US$ 3 bilhões.

O presidente da Suzano, Walter Schalka, já adiantou que a companhia concretizará o investimento assim que tiver a estrutura financeira adequada.

O Projeto Jubarte deve acrescentar 2,2 milhões de toneladas anuais de celulose à capacidade atual da companhia, que já produz mais de 100 milhões de toneladas por ano.

O prefeito de Ribas do Rio Pardo (PSOL) João Alfredo Danieze, se reuniu no mês passado com o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), para discutir os investimentos necessários no município com a instalação da fábrica.

Fonte: https://www.jpnews.com.br/

Anúncio

Publicidade

Publicidade

Previsão do Tempo

Publicidade