Ligue-se a nós

Noticias Regionais

Instituto IPÊ prorroga inscrições para Mestrado Profissional em Conservação da Biodiversidade e Desenvolvimento Sustentável que possui parte presencial realizada na RPPN Estação Veracel

Publicado

no

Instituto IPÊ prorroga inscrições para Mestrado Profissional em Conservação da Biodiversidade e Desenvolvimento Sustentável que possui parte presencial realizada na RPPN Estação Veracel 18

Interessados têm até 07 de agosto, às 17h, para realizar sua inscrição no Mestrado Profissional, da ESCAS – Escola Superior de Conservação Ambiental e Sustentabilidade.

Há seis anos, a Veracel é parceirada ESCAS/IPÊ – Escola Superior de Conservação Ambiental e Sustentabilidade, do Instituto de Pesquisas Ecologicas

Eunápolis, 21 de julho de 2021 – Realizado em parceria com a Veracel há seis anos, o Mestrado Profissional em Conservação da Biodiversidade e Desenvolvimento Sustentável, da ESCAS – Escola Superior de Conservação Ambiental e Sustentabilidade, do IPÊ – Instituto de Pesquisas Ecológicas Turma Porto Seguro/BA, está com inscrições prorrogadas até 7 de agosto às 17:00. O programa de pós-graduação stricto sensu conta com um formato híbrido, e é realizado tanto na RPPN (Reserva Particular do Patrimônio Natural) Estação Veracel, localizada em Porto Seguro (BA), quanto com EAD (educação a distância), e encontros ao vivo, sendo as aulas de ambas as modalidades ministradas por especialistas que são referência em suas áreas de atuação.

O curso é voltado a profissionais de empresas privadas, governo e terceiro setor e recebe alunos de todas as áreas do conhecimento. Os temas são tratados de forma transversal e enriquecidos com a diversidade das vivências dos participantes. Ao longo do curso, a teoria se une à prática, estimulando a criação e a disseminação de modelos inovadores em conservação da biodiversidade e de desenvolvimento sustentável. O retorno às aulas presenciais será realizado com segurança, de acordo com a contenção da pandemia.

Com duas linhas de pesquisa: Conservação da Biodiversidade / Meio Ambiente, Sociedade e Sustentabilidade, o mestrado profissional atrai o interesse de profissionais de diversas formações, como biólogos, engenheiros agrônomos e florestais, gestores socioambientais ou coordenadores e diretores da área de responsabilidade socioambiental. Todos têm em comum o objetivo de transformar realidades, criar ou aperfeiçoar processos, ampliar o diálogo com os diferentes atores sociais e assim promover o desenvolvimento sustentável.

A ESCAS, escola do IPÊ – Instituto de Pesquisas Ecológicas trabalha desde 2015 em parceria com a Veracel no desenvolvimento socioambiental da região Sul da Bahia, por meio da educação. O propósito é estimular seus alunos a se tornarem lideranças transformadoras na sociedade.

O Mestrado Profissional da ESCAS na Bahia é subsidiado parcialmente pelos parceiros: Instituto Arapyaú e Veracel; o que também contribui para valores mais acessíveis na mensalidade. Para a turma de 2021, a mensalidade tem o valor de R$ 350,00.

Saiba mais, confira o edital e inscreva-se: https://conteudo.escas.org.br/mestrado-da-bahia-2021

 

 

Sobre a parceria entre Veracel e IPÊ

A ESCAS é uma iniciativa do IPÊ para a formação de profissionais capazes de desenvolver, implementar e multiplicar ações na área socioambiental. Com a Escola, o IPÊ desenvolve uma parte importante de sua missão institucional, que é a de compartilhar conhecimentos para a conservação da biodiversidade, de maneira inovadora.

A Veracel é parceira do IPÊ desde 2015 e apoia a qualificação para que profissionais de diferentes áreas atuem diretamente em projetos voltados para a conservação do meio ambiente e o desenvolvimento sustentável da região.

Sobre a Veracel Celulose

Veracel Celulose celebra 30 anos de atuação em 2021. Com a fábrica em Eunápolis, no Sul da Bahia, a companhia integra operações florestais, industriais e de logística em mais 10 outros municípios da região. Responsável pela produção 1,1 milhão de toneladas de celulose/ano, 100% da madeira utilizada no processo produtivo é certificada ou controlada em conformidade aos princípios e critérios de padrões normativos internacionais. Com 50% de participação cada, seus acionistas são duas grandes no setor de celulose e papel em âmbito internacional: a brasileira Suzano e a sueco-finlandesa Stora Enso.

A Veracel é considerada como uma das melhores empresas para se trabalhar na Bahia. Além dos mais de 100 mil hectares de área protegida ambientalmente, é guardiã da maior reserva particular de Mata Atlântica do Nordeste brasileiro e recebeu o Certificado de Serviços Ecossistêmicos do Forest Stewardship Council® – FSC® C017612, emitido no Brasil pela certificadora Imaflora.

São 3.191 empregos diretos e cerca de 16 mil beneficiados pelas iniciativas de educação, saúde e geração de renda todos últimos anos. Ser responsável, inspirar pessoas e valorizar a vida é o nosso propósito!

www.veracel.com.br

Sobre o IPÊ

O IPÊ – Instituto de Pesquisas Ecológicas é uma organização brasileira sem fins lucrativos que trabalha pela conservação da biodiversidade do país, por meio de ciência, educação e negócios sustentáveis. Fundado em 1992, tem sede em Nazaré Paulista (São Paulo), onde também fica o seu centro de educação, a ESCAS – Escola Superior de Conservação Ambiental e Sustentabilidade. A ESCAS também conta com turma Extra-Campus na Bahia.

Presente nos biomas Mata Atlântica, Amazônia, Pantanal e Cerrado, o Instituto realiza cerca de 30 projetos ao ano, aplicando o Modelo IPÊ de Conservação, que envolve pesquisa científica de espécies, educação ambiental, envolvimento e mobilização comunitária, conservação de habitats e da paisagem e apoio à construção de políticas públicas. Além de projetos locais, o Instituto também implementa trabalhos em diversas regiões, seguindo os temas Áreas Protegidas, Áreas Urbanas e Pesquisa & Desenvolvimento (Capital Natural e Biodiversidade).

O IPÊ é responsável pelo plantio de mais de 3 milhões de árvores na Mata Atlântica, contribui diretamente para a conservação de seis espécies de fauna, realiza educação ambiental e capacitação para 10 mil pessoas por ano, em média. Os projetos beneficiam 200 famílias com ações sustentáveis e conhecimento sobre conservação ambiental.

Para o desenvolvimento dos projetos socioambientais, a organização conta com parceiros de todos os setores e trabalha como articulador em frentes que promovem o engajamento e o fortalecimento mútuo entre organizações socioambientais, iniciativa privada e instituições governamentais.

https://www.ipe.org.br

Fonte: Veracel Celulose

Anúncio

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Previsão do Tempo