Homens – Veja o que acontece se você não trocar a cueca todos os dias

Compartilhe nossas matérias nas Redes Sociais

Muitos homens se preocupam em se vestir bem, mas uma grande parte dá pouca importância para as cuecas

Você troca a cueca todos os dias? Embora soe como uma pergunta estranha para a maioria dos homens, de fato há uma boa porcentagem que não adota o hábito – em algumas pesquisas e estatísticas feitas sobre o tema.

Seja por preguiça ou comodidade, repetir a cueca pode causar sérios problemas de saúde, incluindo câncer, segundo informações do Diário de Biologia.

Em um estudo realizado na França e Reino Unido, pesquisadores descobriram que 27% dos homens franceses usam a mesma cueca por vários dias, enquanto que 18% dos ingleses têm o mesmo hábito. Pior do que isso, só o fato de os franceses assumirem usar a mesma peça íntima por até seis vezes, especialmente durante o inverno – o que deixou muitas pessoas “assustadas”.

Abaixo, confira algumas possibilidades clínicas que podem ocorrer com homens que não possuem uma boa higiene com suas peças íntimas e as consequências envolvidas:

Proliferação de germes

A região íntima possui um ambiente ideal para a proliferação de bactérias e fungos, uma vez que reúne umidade, temperatura elevada e pouca circulação de ar. Além disso, ali pode ser encontrado resquícios de suor, células mortas da pele, urina e fezes, o que é perfeito para a cultura de algumas bactérias. Logo, não trocar a cueca pode afetar a higiene íntima masculina, causando problemas que podem evoluir para infecções mais graves.

Uretrite

A uretrite é uma infecção que afeta o canal da uretra e que com certeza pode ser causada, ou agravada, pelo uso de cueca suja. A doença é causada por bactérias como a Nesseria gonorrheae e Chlamydia trachomatis, que ao penetrar o canal da uretra acabam desencadeando a infecção.

Dermatite

Dermatites podem causar coceira intensa na região dos testículos e virilha. Ao coçar, a pele é arranhada e consequentemente se torna exposta para a ação das bactérias, que podem causar infecções no local. Tais feridas são dolorosas, precisam de acompanhamento médico e normalmente demoram para cicatrizar, geralmente necessitando de pomadas de aplicação tópica. Neste caso, trocar a cueca diariamente, é mais do que fundamental para o tratamento dar certo com os cremes medicamentosos.

Câncer e amputação peniana

De acordo com a Sociedade Brasileira de Urologia, todos os anos, cerca de 1.000 homens têm o pênis amputado parcialmente ou totalmente devido a higiene precária da região íntima. Sim, você não leu errado. Só no Brasil, repetindo, 1.000 homens por ano precisam amputar o pênis!

Embora o câncer de pênis seja considerado raro, uma vez que representa apenas 2% dos casos de câncer no Brasil, ele pode afetar homens que não passaram pela circuncisão ou não cuidam da higiene íntima. A circuncisão em si não é o fator desencadeador, e sim a falta de higiene completa do órgão, especialmente da glande.

A cueca usada por um período razoável de tempo carrega no final do dia restos de fezes, urina, pele e suor e, portanto, deve ser trocada todos os dias e lavada, se possível com água quente para garantir máxima limpeza, antes de ser utilizada novamente. Usar o ferro de passar roupas também é uma boa opção. (Jornal Ciência).

Você pode não acreditar, mas uma grande parte dos homens são desleixados em relação às roupas íntimas.

Acredite, muitos homens deixam as cuecas ficarem assim

Fonte: .bocao64.com

Comentários

Comentários